Diamond Head:Am i Evil?

sábado, 24 de outubro de 2009

Megadeth:Site elege os cincos melhores discos da banda

Traduzido por Karina Detrigiachi | Em 19/10/09 | Fonte: About.com

O artigo abaixo, de autoria de Chad Bowar, foi publicado no About.com.

Após ter sido chutado do METALLICA, Dave Mustaine formou o MEGADETH. Apesar de terem sofrido várias mudanças pessoais ao longo dos anos, eles acabaram por ser uma

das bandas de thrash metal mais influent

es. Eis minhas escolhas para os cinco melhores tra

balhos da banda.


1. Peace Sells... But Who's Buying? (1986)
Estou entre este e o “Rust in Peace”, mas eu escolho este. Eles realmente se consolidaram com este álbum, o segundo de seu catálogo. É um clássico do speed metal com ótimas músicas como "Wake Up Dead," "Devil's Island" e "Peace Sells." As composições da banda melhoraram um pouco desde seu álbum de estréia e mesmo após vinte anos eles ainda se mantêm extremamente bem.


2. Rust In Peace (1990)Como eu disse, este quase foi o número um. Também é um ótimo álbum. É o primeiro álbum do MEGADETH com o guitarrista Marty Friedman e, quando se trata de pura musicalidade, este é o melhor. É um álbum complexo e diversificado, com várias músicas de qualidade como "Lucretia".





3. Killing Is My Business... And Business Is Good! (1985)
O álbum de estréia do MEGADETH foi lançado quando eu estava descobrindo o heavy
metal. É um álbum curto com apenas sete músicas, e é o mais cru do g
rupo. Como era de se esperar de um álbum de estréia, eles ainda estavam encontrando seu caminho e o vocal de Mustaine estava um pouco irregular. Porém possui paixão e raiva, e, mostrou o talento bruto desta banda.


4. Countdown To Extinction (1992)
Este foi o álbum mais comercial do MEGADETH, e seguiu o extremamente bem sucedido “Black Album” do METALLICA. As canções são mais polidas e
menos thrash, mas existem algumas realmente
boas como "Symphony of Destruction", "Sweating Bullets" e a faixa-título. Mesmo que alguns tenham considerado-o como um álbum vendido, ele mostrou que a banda poderia ser versátil e possuía canções intensas em abundância.






5. So Far, So Good, So What? (1988)
Imprensado entre dois de seus melhores álbuns (“Peace Sells... But Who's Buying?” e “Rust In Peace”) este muitas vezes é ignorado, porém “So Far, So Good, So What” é um álbum
sólido. Ele apresenta alguns membros novos, mas o MEGADETH passou por várias mudanças na formação ao longo dos anos. Após uma abertura instrumental, o thrash e speed metal arrebent
am. O único erro foi o c
over de “Anarchy In The U.K." do SEX PISTOLS.

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Metallica:Saiba Porque Dave Mustaine Perdeu seu emprego


O blog Lydverket da Noruega realizou uma entrevista com o líder do MEGADETH, Dave Mustaine, em 7 de agosto de 2009 no Langham Hotel em Londres, Inglaterra.

Antes da entrevista acontecer, a repórter Kristin Winsents do Lydverket recebeu instruções claras do gabinete de imprensa do MEGADETH de que o passado de Dave no METALLICA era um tópico estritamente proibido na conversa. No entanto, segundo Winsents, o próprio Mustaine quebrou a "regra", pois ele evidentemente ainda tem muito a falar sobre o grupo do qual foi despedido há 26 anos.

Confira alguns trechos abaixo.

Sobre ter sido chutado do METALLICA por suposta

mente beber demais:

Mustaine: "Eu fiquei muito machucado pela forma como isso aconteceu. Eu disse, o que?! Sem segunda chance, sem aviso? Vamos, todos nós bebemos. Vamos. E [eles ficaram tipo], 'não, é isso. Você tá fora.' E eu fiquei tipo, 'tá certo.'"

Sobre a briga com o frontman do METALLICA, James Hetfield, que levou Mustaine a ser demitido da banda:

Mustaine: "Ele chutou meu cachorro.

Eu estava vendendo maconha. Quando eu ia tocar em um show, as pessoas sabiam que minha maconha estava parada no meu apartamento, só falando 'vá em frente e me faça companhia'. Então fui invadido. As pessoas roubaram tudo que eu tinha; todo meu estoque. E eu conclui, dane-se isso. Eu vou pegar alguns cachorros para ficarem no apartamento quando eu sair. Então eu peguei dois cachorros e eu levei um deles para um ensaio uma vez e ele colocou as patas no carro de Ron [McGovney, o então baixista do Metallica]. E James o chutou bem de lado. E eu fiquei tipo, 'por que você fez isso? É um cachorro, é isso que eles fazem. Você não chuta animais'. Então nós entramos na casa, e começamos a discutir um pouco mais. E eu acabei dando um soco na cara dele e eu acho que essa foi a origem do motivo de eu ter perdido o emprego.

Eu odiei isso. Eu não queria acerta-lo. Eu me importava muito com James; eu realmente gostava dele. Eu ainda gosto dele. Eu não gosto de Lars [Ulrich, baterista do Metallica], mas eu gosto do James."

Sobre ser convidado a ir à apresentação do METALLICA no Rock and Roll Hall of Fame em Abril, mas não entrar junto dos ex-colegas de banda:

Mustaine: "Eu acho que alguém precisaria ser um idiota completo para pensar que eu iria lá e sentar na platéia e assisti-los entrarem no Hall of Fame. Foi legal que o Lars tenha me convidado, mas qualquer um que pensou que eu fosse... O que vocês são - estúpidos?! Eu tenho orgulho deles, eu desejo bem a eles, mas o que eu tenho que fazer?! Isso é masoquismo".

Matéria original: Metallica Remains

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Nirvana:Site elege as melhores musicas do grupo


Fonte Whiplash!Edição Gabriel Fox Mulder

Em abril deste ano fez quinze anos da morte de Kurt Cobain, do NIRVANA. E, na ocasião, o site askmen.com elaborou uma lista com as 10 melhores do power trio de Seattle.

10º - "Rape Me": Destaque para a apresentação nos SNL e sua letra controversa. Parte do álbum "In Utero".

9º - "Come As You Are": A terceira faixa do "Nevermind" na qual aparece um Kurt Cobain mais "soft". E ela traz uma frase que faria sentido alguns anos depois: "Now I don't have a gun".

8º - "Spank Thru": "Inédita" até então, apareceu no "From the Muddy Banks of the Wishkah". Ao que parece, "Spank Thru" foi a primeira canção que Kurt tocou,

na época do “Fecal Matter”.

7º - "Pennyroyal Tea": A versão que ganhou o 7º lugar foi a do "MTV Unplugged in New York". Apresentação bastante tocante, onde Kurt Cobain toca a canção sozinho e de maneira bastante expressiva. Na terceira parte da música ele diminui o tempo da canção e sua voz falha, e esse é um dos motivos pelos quais a música tornou-se tão bela.

6º - "Serve the Servants": A abertura do último álbum oficial da banda, "In Utero". Nela Cobain ataca seu pai e o mal da adolescência e do divórcio.

5º - "You Know You're Right": A canção que gerou batalhas j

udiciais entre os membros restantes da banda e a senhora Cobain, apareceu na coletânea intitulada NIRVANA, conhecida pelos fãs como "a caixa preta", de 2002. A canção explodiu nas rádios e levantou novamente a moral da banda, colocando bandas post-grunges como Creed e Nickelback pra comer poeira.

4º - "Sliver": Uma canção antiga, entrou para o B-side de "Incesticide". Os méritos da música vão para sua simplicidade, o baixo de Novoselic e a cativante "história" supostamente veridica de Kurt em algum tempo de sua infância.

3º - "Something in the way": A "última" faixa do "Nevermind" narra o mito de Kurt supostamente ter vivido embaixo de uma ponte por algum tempo. Uma canção mórbida e atraente.

2º - "All apologies": Citada como o melhor riff de guitarra da banda, o destaque vai para o final da faixa, onde todos os membros cantam juntos, em perfeita harmonia.

1º - "Smells like teen Spirit": Era quase óbvio que essa seria a canção número um de uma lista que deixou de fora até "Heart Shaped Box". Porém a música tem muito peso tanto no sentido de som quanto para a indústria fonográfica. É óbvio que o NIRVANA não foi a banda que inventu o Grunge mas é muito óbvio também que ela foi a de maior destaque e divinamente merecida, porque não é todo dia que se vê uma banda de três garotos imundos indo contra tudo que boy bands pregavam.

sábado, 10 de outubro de 2009

Os 100 melhores discos de heavy metal completo

Em 2003 a equipe do site Metal-Rules.com fez uma eleição interna para eleger os 100 melhores discos da História do Metal. Confira a lista.

001. Metallica - Master of Puppets
002. Iron Maiden - The Number of the Beast
003. Metallica - Ride the Lightning
004. AC/DC - Back in Black
005. Slayer - Reign in Blood
006. Iron Maiden - Powerslave
007. Iron Maiden - Piece of Mind
008. Dio - Holy Diver
009. Slayer - Seasons in the Abyss
010. Judas Priest - Screaming for Vengeance
011. Queensrche - Operation: Mindcrime
012. Judas Priest - Painkiller
013. Guns n' Roses - Appetite For Destruction
014. Mötley Crüe - Shout at the Devil
015. Judas Priest - Defenders of the Faith
016. Megadeth - Rust in Peace
017. Black Sabbath - Black Sabbath
018. AC/DC - Highway To Hell
019. Ozzy Osbourne - Blizzard of Ozz
020. Metallica - Kill 'Em All
021. Judas Priest - British Steel
022. W.A.S.P. - W.A.S.P.
023. Slayer - South of Heaven
024. Black Sabbath - Paranoid
025. Megadeth - Peace Sells… But Who's Buying?
026. Iron Maiden - Somewhere in Time
027. Dio - Last in Line
028. Helloween - Keeper of the 7 Keys Pt. II
029. Judas Priest - Hell Bent for Leather
030. Van Halen - Van Halen
031. Mötley Crüe - Too Fast For Love
032. Accept - Balls to the Wall
033. Iron Maiden - Killers
034. Ozzy Osbourne - Diary of a Madman
035. Slayer - Show No Mercy
036. Black Sabbath - Sabbath Bloody Sabbath
037. Motörhead - Ace of Spades
038. Judas Priest - Sad Wings of Destiny
039. Judas Priest - Stained Class
040. Iron Maiden - Iron Maiden
041. Anthrax - Among the Living
042. Twisted Sister - Stay Hungry
043. Black Sabbath - Heaven & Hell
044. Helloween - Keeper of the 7 Keys Pt. I
045. W.A.S.P. - The Last Command
046. Rainbow - Long Live Rock and Roll
047. Def Leppard - Pyromania
048. Skid Row - Slave to the Grind
049. Megadeth - So Far, So Good... So What!
050. Megadeth - Countdown to Extinction
051. Savatage - Hall of the Mountain King
052. King Diamond - Abigail
053. Dismember - Massive Killing Capacity
054. Halford - Resurrection
055. Black Sabbath - Master of Reality
056. Testament - Practice What You Preach
057. Led Zeppelin - IV
058. Death - Symbolic
059. Mercyful Fate - Melissa
060. Sepultura - Beneath the Remains
061. Bruce Dickinson - Accident of Birth
062. Deep Purple - Machine Head
063. Scorpions - Blackout
064. Van Halen - 1984
065. Slayer - Hell Awaits
066. Venom - Black Metal
067. Ratt - Out of the Cellar
068. Mercyful Fate - Don't Break the Oath
069. Iced Earth - Something Wicked This Way Comes
070. Blind Guardian - Nightfall in Middle Earth
071. AC/DC - Dirty Deeds Done Dirt Cheap
072. Metallica - ... And Justice For All
073. King Diamond - Them
074. Blind Guardian - Imaginations from the Other Side
075. HammerFall - Glory to the Brave
076. Van Halen - Van Halen II
077. Overkill - The Years of Decay
078. Kiss - Destroyer
079. In Flames - The Jester Race
080. Exodus - Bonded by Blood
081. Black Sabbath - Mob Rules
082. Skid Row - Skid Row
083. Megadeth - Killing is My Business... and Business is Good!
084. Testament - The Legacy
085. Pantera - Cowboys from Hell
086. Venom - Welcome to Hell
087. Twisted Sister - Under the Blade
088. Dokken - Tooth & Nail
089. Accept - Restless & Wild
090. AC/DC - Let There Be Rock
091. HammerFall - Legacy of Kings
092. Saxon - Wheels of Steel
093. Manowar - Kings of Metal
094. Twisted Sister - You Can't Stop Rock & Roll
095. Scorpions - Love at First Sting
096. Van Halen - Fair Warning
097. Black Sabbath - Vol. 4
098. W.A.S.P. - The Crimson Idol
099. Kreator - Pleasure to Kill
100. Death - Individual Thought Patterns (Redação própria)

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Linkin Park:Eu cantei sobre o que eu quiser...


Fonte:Whiplash Edição:Gabriel Cruz,Edição Final:Gabriel Cruz



O vocalista do LINKIN PARK, Chester Bennington concedeu uma entrevista ao site Metalquimia na qual falou sobre seus problemas pessoais, o LINKIN PARK, seu novo projeto DEAD BY SUNRISE e como os três estão relacionados. Abaixo podem ser conferidos alguns trechos da conversa.
O conceito por trás do DEAD BY SUNRISE certamente parece ser um empreendimento totalmente incomparável ao seu trabalho passado. Algumas das canções eram originalmente destinadas ao Linkin Park? Ou sua intenção sempre foi criar um projeto solo separado?
Bennington: “A idéia original era que elas fossem músicas do Linkin Park. Originalmente, quando eu comecei a escrever, haviam diferenças óbvias. Elas estavam um pouco grunges demais. Eles possuíam um pouco de ‘guitarras acústicas’ demais.
Eles foram muito legais, mas eles diziam, ‘Eu não sei onde poderíamos usar sem mudar as músicas.’ E eu disse, ‘Tudo bem. Entendo perfeitamente e você está certo. Este material é muito parecido com isso - mas é isso que eu gosto sobre ele.’ Então se tivesse por vota de 20 ou 30 músicas que eu queria fazer os caras diriam ‘Ah, tudo bem.’ Teria sido assim: ‘Tudo bem. Vamos em frente.’
Todos falaram, ‘Esta é uma ótima música. Só não sei o que podemos fazer com ela. Talvez você devesse vender para alguém?’ E eu disse, ‘Ótima idéia. Vou vendê-la pra mim mesmo! Uma vez tive uma conversa sobre algumas músicas e eu disse ‘Eu não acho que devemos continuar com essas conversas, porque essas músicas têm aquelas coisas que as outras duas tinham.’ Simplesmente cresceu em uma compilação deste tipo de música. Agora sei como escrever para o DEAD BY SUNRISE e como escrever para o Linkin Park.”
Há quase que como uma vibração punk no single “Crawl Back In.” Quando você compara uma música com qualquer uma do Linkin Park, pode-se imaginar que houve uma abordagem muito diferente na composição?
Bennington: “Acho que há algumas coisas que são diferentes na forma como conduzo as canções com o DEAD BY SUNRISE, em oposição ao que eu faço com o Linkin Park. Meu papel no Linkin Park é entrar depois que a música é escrita e começar a cantarolar melodias até eu encontrar algo perfeito. Com o DEAD BY SUNRISE, eu posso escutar qualquer coisa na minha cabeça e sentar e tocar no violão. Se eu gostar, eu a aproveito. Se é uma música muito suave, então eu a trago pra dentro. Eu não me importo se é folclórica ou melosa.
Por exemplo, quando escrevi “Crawl Back In” eu ouvi aquilo na minha cabeça. Eu pensei “Isso é legal’. Então eu sentei e a escrevi. Eu juntei as partes e a aproveitei, e começamos a trabalhar nela. Eu simplesmente pensei, ‘Eu gosto disso, gosto de como soa. É legal.’ Se você escuta “Too Late” e “Crawl Back In’, Elas são completamente diferentes. Elas são tão diferentes em tantos aspectos que nem parecem que fazem parte do mesmo álbum. É meio louco. E se eu gosto, eu vou escrever. É basicamente assim que eu trabalho. Não me importo se uma música é death metal e a próxima é uma balada pop.”
Você trata abundantemente de assuntos pessoais nas letras do DEAD BY SUNRISE, incluindo o seu divórcio e problemas com álcool. Foi difícil falar sobre esses assuntos, e houve alguma música que foi particularmente difícil de escrever?
Bennington: “Acho que passar por isso foi difícil, mas eu sou muito bom em escrever sobre essas coisas. Uma vez eu cantei sobre ter sido abusado quando criança, e várias portas se abriram para mim.
Agora eu posso escrever sobre o que eu quiser. Ninguém sabia sobre isso até aquele dia. Meus pais falaram ‘O quê?’ e eu conclui que ‘Certo, se eu posso escrever sobre isso, posso escrever sobre o que eu quiser’.
Eu diria que eu não estava escrevendo músicas sobre os meus problemas particulares, enquanto eu estava passando por eles durante este álbum. Eu estava escrevendo sobre se apaixonar, e eu estava meio que dando voltas em torno deste assunto.
Depois que passei por tudo isso, foi quando comecei a escrever de uma forma mais clara e muito a frente do que eu passei. ‘Crawl Back In’ fala sobre surtos e quão difícil é isso. “Condemned” é sobre um caso amoroso no qual você se sente um merda. Era muito estranho para mim, porque essas idéias simplesmente começaram a chegar.
Não tento mudar muito as coisas em minhas músicas. Se vem até mim, então vem a mim. Se não, eu espero alguns dias. Depois disso, eu deixo pra lá. Não vale a pena.”

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Steve vai-For the love of god

Esse é steve vai!!!Um dos melhores guitaristas do planeta!!Ele prova que é muito bom...
video

Metallica:"nós temos a américa latina para ir em janeiro'"

Segundo entrevista realizada para a rádio 101.1 WJRR anteontem, 3 de outubro, Lars Ulrich afirma que a banda deve passar pela América Latina no começo de 2010.

"Nós ainda temos muito da turnê do 'Death Magnetic' para fazer. Nós ainda temos que ir para o Japão, Austrália, nós temos a América Latina em Janeiro [de 2010]", afirmou o baterista.

Essa afirmação de Ulrich dá mais base aos boatos de que o METALLICA deverá realizar shows no Brasil em 2010. Vale lembrar, no entanto, que embora a Universal Music tenha divulgado um comunicado no meio deste ano afirmando que o grupo deve passar pela América Latina nessa época, nenhuma data foi confirmada oficialmente pela banda até o momento.

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Recado do autor

Eu estou vendo que o blog esta crescendo muito nos últimos dias,no total de 40 visitantes por dia hoje fui checar os visitantes e deparei com incríveis 43!!!em duas semanas já alcancei uma meta que blogs que em meses não alcançam!!!E pessoas que dizem ah vc não fez isso não foi vc q fez!SÃO UM BANDO DE n00b quero agradecer a todos os visitantes que cada vez aumentam o blog!!!Valeu mesmo pessoal!!! Por GABRIEL CRUZ CARDOSO

Esquisiteces!:algumas doideiras exigidas para shows!

Fonte Whiplash,Edição Gabriel Fox Murder,Edição final e correção,Gabriel Fox Murder,


Se Vc pudesse pedir qualquer coisa(mas qualquer coisa meeesmo)o que vc Anônimo pediria?Confira abaixo das melhores ou mais loucas exigência por artistas de rock e metal

22)Motörhead-ovos de chocolate Kinder egg(kinder ovo)

21)Nickelback- passar a tarde jogando golf

20)Def Leppard-Suco de frutas,biscoitos de trigo,ameixa muitos mas muitos pequenas

19)Limp Biskit-lâmpadas fluorecentes

18)Led Zeppelin-Ferro de passar e tábua de passar

17)Bon Jovi-2 esfregões 2 baldes 2 vassouras 2 rodos grandes

16)Taking Back Sunday-um poster do Michael Jackson(detalhe:esse pedido foi semanas que ele morreu,a banda decidiu fazer um tributo a ele)

15)Van Halen-Uma Bacia cheia de M&M sem nenhum de cor marrom

14)Rolling Band- 2 caixas grandes de cereal,2 litros de leite e 2 litros de leite soja,café escuro torrado italiano e 23 barras de proteína

13)HIM-bíblias

12)Kiss-um suplemento de bolas do kiss

11)Foo Fighters-queijo fedorento

10)The darkness-absinto,suco de frutas

9)The bloodhound gang-um macaco

8)Poison-um intérprete para fãs surdos

7)KORN-advogado,médico,dentista

6)Motley Crüe-maionese Kraft,mostarda Grey Poupon Dijon,manteiga de amendoin Skippy Creamy,uma jibóia de 12 metros de comprimento,uma sub-metralhadora

5)Sammy Hagar-vodka Absolut Jack Daniel, Barcadi Anjeo ,tequila premium ,6 copinhos 4 limões,aipo

4)Gun n' rose-cigaros Dunhill,Marlboro,camel revistas adultas,Playboy e etc

3)Marilyn Manson(claro que não podia faltar) as cordicionado no máximo ,balinha de goma haribo(lá do Japão),Doritos,absinto e uma ou um travesti

2)Iggy Pop-uma faca afiada,chá de pólvora(isso mesmo aquilo que é usado nas armas)chinês ,um jornal de língua japonesa um monitor que fale japonês e não tenha medo da morte,um imitador de Bob Hope,7 anões(só falta a branca de neve)garrafas de vinho bordeaux

1)Gorgoroth-50 cabeças de ovelha decapitadas,200 metros de arame farpado,1 carpinteiro,papel higiênico rosa extra macio